Secovi- SP recolhe brinquedos neste domingo para doações de Natal

Padrão

Originalmente publicado no blog Linklar Imóveis

Para os que se interessarem em doar brinquedos podem entrar em contato com o Secovi-SP./ Foto: divulgação

Para os que se interessarem em doar brinquedos podem entrar em contato com o Secovi-SP./ Foto: divulgação

Abrir sorrisos infantis na noite de Natal é o principal objetivo da 10ª edição da Campanha do Brinquedo do Ampliar. Desde 2003 a iniciativa já arrecadou milhares de donativos entregues às entidades sociais cadastradas ao projeto. Este ano os organizadores querem bater recordes. “Pretendemos superar os oito mil brinquedos arrecadados em 2011”, revela Maria Helena Mauad, presidente do Ampliar, programa que profissionaliza jovens em situação de risco social e que tem apoio logístico do Secovi-SP.

Para alcançar as metas, anualmente, a Campanha promove a Carreata do Brinquedo, que percorre as ruas dos Jardins e Cerqueira César, na capital paulista, para recolher donativos de comerciantes e moradores da região. Neste ano não será diferente, pois a carreata está programada para este domingo, dia 2 de dezembro, das 9 às 14 horas, com a participação de voluntários.

Neste dia, as doações serão retiradas nas portarias dos edifícios localizados na região dos Jardins. Os síndicos podem colaborar, reunindo os brinquedos arrecadados entre os moradores e deixando-os na portaria. Já os condomínios de outras regiões da cidade também podem colaborar, levando os brinquedos, até o dia 5, em um dos postos de coleta espalhados pela cidade de São Paulo.

“Brinquedos de todos os tipos são bem-vindos: bonecas, bolas, jogos de tabuleiro, bichinhos de pelúcia, carrinhos, entre outros, novos ou usados em bom estado de conservação”, afirma Maria Helena. Os donativos serão entregues a milhares de crianças atendidas por instituições beneficentes cadastradas no Ampliar.

Os interessados em participarem da carreara, podem entrar em contato pelos telefones: (11) 5591-1283/1246, ou pelo e-mail brinquedo@secovi.com.br. Além da carreata, as doações também podem ser feitas em um dos postos de coleta espalhados pela cidade de São Paulo. Em www.projetoampliar.org.br/brinquedo, é possível obter mais informações sobre o evento.

Anúncios

As tendências do Christmasworld: a feira natalina da Alemanha

Padrão

Originalmente publicado no blog Linklar Imóveis

A simplicidade e o uso de materiais naturais é a grande tendência deste ano e do próximo./ Foto: divulgação

A simplicidade e o uso de materiais naturais é a grande tendência deste ano e do próximo./ Foto: divulgação

Todo ano em Frankfurt, na Alemanha, acontece no mês de janeiro a Christmasworld, feira que anuncia o que será usado na decoração de casas, lojas e shoppings, mostrando tudo o que será tendência em materiais e cores no ano e para as diferentes festividades, como o Natal e a Páscoa. A edição de 2013 já tem data marcada para acontecer, será dos dias 25 a 29 de janeiro.

Na feira deste ano podemos ver que temos quatro tendências que estão aptas para agradar gregos e troianos, pois podemos contar com o brilho do glamour, as cores e a alegria dos doces, as luzes e os diversos tons do estilo contemporâneo, e a suavidade e elegância do nude. A aposta de cores é o branco, muito mostrado na feira, e também os materiais naturais como palha e madeira. O simples foi apresentado com muita elegância e com diferentes combinações.

Veja algumas fotos e um vídeo da bela Christmasworld 2012 e inspire-se para decorar o seu lar!

O verde é a cor sensação do natal 2012./ Foto: divulgação

O verde é a cor sensação do natal 2012./ Foto: divulgação

As velas além de serem um belo enfeite traz o colorido da festa de Natal./ Foto: divulgação

As velas além de serem um belo enfeite traz o colorido da festa de Natal./ Foto: divulgação

As diversas roupagens do Papai Noel também se destacam neste ano./ Foto: divulgação

As diversas roupagens do Papai Noel também se destacam neste ano./ Foto: divulgação

Anjos, anjinhos e anjões. Não existe natal sem eles./ Foto: divulgação

Anjos, anjinhos e anjões. Não existe natal sem eles./ Foto: divulgação

Novamente o verde, agora com tonalidade diferente e com brilho./Foto: divulgação

Novamente o verde, agora com tonalidade diferente e com brilho./Foto: divulgação

O dourado e a palha em uma combinação elegante e cheia de estilo./ Foto: divulgação

O dourado e a palha em uma combinação elegante e cheia de estilo./ Foto: divulgação

O nude marca a presença e cria um ambiente romântico./ Foto: divulgação

O nude marca a presença e cria um ambiente romântico./ Foto: divulgação

Os pequenos detalhes são tão lindos!/ Foto: divulgação

Os pequenos detalhes são tão lindos!/ Foto: divulgação

Elas são as rainhas da decoração natalina, as bolinhas coloridas!/ Foto: divulgação

Elas são as rainhas da decoração natalina, as bolinhas coloridas!/ Foto: divulgação

Os detalhes infantis estão em alta para quem deseja encantar os corações de adultos e crianças./Foto: divulgação

Os detalhes infantis estão em alta para quem deseja encantar os corações de adultos e crianças./Foto: divulgação

As cores e luzes podem ser usadas para quem quer um estilo fashion e contemporâneo./ Foto: divulgação

As cores e luzes podem ser usadas para quem quer um estilo fashion e contemporâneo./ Foto: divulgação

Se o branco é a aposta deste ano os ursos polares não poderiam faltar./Foto: divulgação

Se o branco é a aposta deste ano os ursos polares não poderiam faltar./Foto: divulgação

As cores dos enfeites ganham destaque no branco das árvores./ Foto: divulgação

As cores dos enfeites ganham destaque no branco das árvores./ Foto: divulgação

LEIA TAMBÉM:

* Ideias econômicas para montar uma árvore de Natal
*Natal em São Paulo: luzes e beleza na megametrópole brasileira

Natal em São Paulo: luzes e beleza na megametrópole brasileira

Padrão

Originalmente publicado no blog Linklar Imóveis

venida Paulista 2011./ Foto: José Cordeiro - Prefeitura de São Paulo

Ibirapuera 2011./ Foto: José Cordeiro – Prefeitura de São Paulo

Já tem data marcada a comemoração do Natal e chegada de 2013 na megametrópole brasileira São Paulo. A partir do dia 30 deste mês o projeto Natal Iluminado leva a catedrais e igrejas de São Paulo, interior e litoral a orquestra Sinfônica Heliópolis (Orquestra Jovem e do Coral da Gente) compartilhando as mais emocionantes músicas natalinas, além de incríveis projeções mapeadas e decoração impecável.

O Natal Iluminado é um evento gratuito e itinerante, realizado pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e pela Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), em parceria com as prefeituras.

Entre as atrações do evento para celebrar o início das festividades do Natal estão apresentações da orquestra Sinfônica Heliópolis, da Orquestra Jovem e do Coral da Gente, mantidos pelo Instituto Baccarelli.

Os bairros e escolas paulistanas também participam do projeto, assim como cidades do interior. De acordo com declaração de Emídio de Souza, prefeito de Osasco, o projeto “Natal iluminado é uma coisa fantástica. Torna as cidades mais alegres e mais bonitas”.

Para conhecer a programação é só acessar o site do evento: http://nataliluminado.acsp.com.br/index.php

No vídeo temos uma amostra do que será o Natal Iluminado deste ano. As fotos são da decoração que São Paulo, capital, recebeu no ano passado. #Linda!

Avenida Paulista 2011./ Foto: José Cordeiro - Prefeitura de São Paulo

Avenida Paulista 2011./ Foto: José Cordeiro – Prefeitura de São Paulo

Lofts que demonstram as ações de seus moradores

Padrão

Originalmente publicado em Linklar Editorial

Parte externa dos Lofts Reversible Destiny./ Foto: divulgação

Desafiar os limites da arquitetura é um dos principais objetivos do grupo Reversible Destiny. Das diversas obras arquitetônicas espalhadas pelo mundo uma das que mais chama a atenção é os Lofts Reversible Destiny, em Mitaka, no Japão. Os lofts criados em memória a Helem Keller é uma unidade de nove habitações e nove múltiplas.

Um dos espaços para compartilhamento de convivência./ Foto: divulgação

Estes imóveis refletem as tendências dos moradores operativos e habilidades essenciais para a coordenação e determinação do pensamento e do comportamento humano, o que significa dizer que os lofts revelam, em virtude da forma como eles são construídos, aos seus moradores os prós e contras do que faz uma pessoa, neste caso o residente. Foram construídos a partir da pesquisa “O Mecanismo de Significado”, de Gins Arakawa e Madeline.

Parte interna dos Lofts./ Foto: divulgação

Os responsáveis pela construção das habitações foi a Takenaka Corporation, empresa japonesa. Os Lofts Reversible Destiny são daqueles tipos de ambientes que convidam as pessoas a terem reações mais otimistas e construtivas para ajuda-los a terem uma vida longa e ampla.

Visão ampla dos Lofts./ Foto: divulgação

A Reversible Destiny

A Fundação Reversible Destiny é um grupo de artistas, arquitetos e poetas formado por Madeline Gins e Arakawa . O trabalho da Fundação diz respeito ao corpo, sua relação simultaneamente específica e não específica para os seus arredores. As conclusões filosóficas do que um organismo ou pessoa é direciona suas teorias arquitetônicas e obras. A Reversible Destiny pretende colaborar com os profissionais em uma ampla gama de disciplinas, incluindo, mas não limitado a biologia experimental, a neurociência, a física quântica, a fenomenologia experimental, e medicina. Seus projetos arquitetônicos têm incluído residências, parques e planos para conjuntos habitacionais e bairros.

Veja abaixo um vídeo de uma canal japonês sobre os Lofts.

Falsa seringueira é removida e praça é adotada por incorporadora

Padrão

Originalmente publicada no Linklar

Praça Salvador Allende passará por revitalização paga por incorporadora/ Foto: Sergio Louruz

Falsa seringueira plantada de forma errada rendeu um novo local de descanso e lazer na Praça Salvador Allende, localizada na avenida Loureiro da Silva, esquina com a rua Avaí, em Porto Alegre. A árvore exótica foi removida hoje pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) e a praça foi adotada pela incorporadora Goldsztein.

A Smam executou a remoção da falsa seringueira que ficava na Praça Salvador Allende, pois ela foi plantada irregularmente pela população em local inapropriado, sobre uma galeria de esgotos. A remoção rendeu ao local,  de 1.325 m2, a revitalização da área, que receberá novo pavimento em concreto, bancos, lixeiras e gramado. As melhorias serão viabilizadas através de Termo de Cooperação assinado com a empresa Goldsztein, que adotou o espaço por três anos. E se caracterizará como um recanto de estar.

Projeto de lei quer transformar condomínios em empresas e gera debate

Padrão

Publicada originalmente no site Linklar

Um assunto esta semana tem gerado debates no setor imobiliário: A PL 80/2011, do deputado Bernardo Santana de Vasconcellos (PR-MG), que prevê a autorização do registro dos condomínios como pessoas jurídicas de direito privado. A proposta não tem sido muito bem aceita por representantes do setor, tanto que ontem, 7 de outubro, houve debate na Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara, na qual empresários ligados ao mercado imobiliário criticaram o projeto.

A proposta altera o Código Civil (Lei 10.406/02) e a Lei de Registros Públicos (Lei 6.015/73). O texto define como condomínio o conjunto de edificações caracterizado pela existência de partes exclusivas e de partes comuns, o que inclui tanto os condomínios verticais (prédios) quanto os horizontais (casas).

Atualmente, os condomínios são regidos por legislação própria e podem ser registrados no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), mas não deixam de ser condomínios. De acordo com a proposta, o registro como pessoa jurídica vai ser opcional. Os condomínios que optarem por essa medida só poderão fazê-lo com a aprovação de, no mínimo, 2/3 dos proprietários.

O deputado Bernardo Santana de Vasconcellos argumentou dizendo que se transformado em pessoa jurídica, o condomínio vai ter mais facilidade para resolver, por exemplo, ações na Justiça que envolvem a cobrança de cotas de condomínio atrasadas. Hoje não está bem definido quem é o sujeito ativo no processo de execução: o síndico ou o próprio condomínio.

Porém, deputado Junji Abe (PSD-SP), que solicitou a realização do debate atendendo a pedido dos Sindicatos das Empresas de vários estados, explicou que as empresas temem que, se o condomínio se tornar pessoa jurídica, vai haver mais despesas para os moradores ou donos de imóveis comerciais.

“Ao transformar os condomínios em empresas ou pessoas jurídicas, uma série de ônus haveria para os condôminos. Principalmente, quando se trata de conjuntos habitacionais para famílias de baixo poder aquisitivo, que não teriam condições de pagar o aumento do condomínio”, falou Abe.

Segue nesta mesma linha linha de raciocínio a superintendente do Secovi-RS, Helena Terezinha do Amaral Gomes. Ela destacou que existem mais de 200 mil condomínios no Brasil, com diferentes estruturas, dos mais nobres aos mais simples. Segundo a expositora, como a proposta torna facultativo ao condomínio tornar-se pessoa jurídica, isso vai provocar um tratamento desigual entre os eventuais optantes e não optantes.

Helena ainda afirmou que, ao tornar-se pessoa jurídica, o condomínio e, consequentemente, os condôminos, vão ter mais gastos com contabilidade formal e registro de todos os atos no Cartório de Registros Especiais, por exemplo. Ela também alertou sobre o risco de que o ingresso das cotas de condomínios passe a ser considerada receita para fins tributários.

O vice-presidente do Secovi de São Paulo, Hubert Gebara, afirmou que o condomínio não tem fins lucrativos, como uma empresa. Também destacou que quem compra um apartamento em um edifício residencial não o faz com a intenção de se tornar sócio do seu vizinho, o que aconteceria com a aprovação do projeto.

E para você? Esse projeto deve ser aprovado e os condomínios se quiserem podem se transformar em empresas?

*Texto com informações da Agência Câmara de Notícias